Hands On

 
 

 

As decepções e alegrias vêm aos montes mais estamos ai vivendo e se surpreendendo com as maravilhas da tecnologia utilizada nos games de hoje. Boa sorte para aqueles que se aventuram em games que aparentam ser bons… deveria ter pensado duas vezes antes de fazer o que eu fiz nesta seção.

.

Alien vs Predator (Multiplataforma)

 

 Em 1999 a produtora Rebellion fez um jogo de shooter bem aos moldes de Unreal Tournament e Counter Strike, sobre a guerra entre essas duas raças (predadores e alienígenas) na época o game até que era legal, pois não tínhamos muita opção de game na época e  era legal tinha bastante inovação e criatividade apesar de não ter tanta tecnologia.

 Agora em 2010 a Sega resolve fazer uma espécie de remake do mesmo jogo resultando em um mais do mesmo bem medíocre e curto ainda por cima. No novo game o esquema é o mesmo: você tem três raças, Marines (que são os humanos) com eles é como jogar qualquer jogo de tiro só andar e atirar com pouco realismo e originalidade; os Aliens (são os selvagens do game) com eles é possível atacar com unhas e dentes e arrancar as cabeças dos oponentes,  tudo bem feito até mas com cara que poderia ser melhor e por fim os Predators (que são os que mais chamam atenção) com eles ataques corpo a corpo e uso de tecnologia avançada como visão de calor e invisibilidade são o charme desta classe.

 Contudo o game peca pela qualidade gráfica pouco agradável onde tudo parece ter sido feito há uns dois anos atrás e os efeitos visuais são bastante precários fazendo com que o jogador apenas se divirta com o multiplayer bastante agradável onde 16 jogadores podem tretar em uma matança bastante comportada…

 Nota: 7.5

 .

FIFA 10 (versão de DS) 

 

 
  O que esperar de um game de futebol para NDS? Bem se tratando que o game foi fenomenal no ano passado a versão de DS poderia pelo menos ter um trabalho um pouco mais digno.

 No game existe muitos times (tem até BR como São Paulo e Palmeiras e claro o Timão com Ronaldo) porém este quesito não é o problema do game e sim a falta de trabalho, sei lá vemos grandes jogos no DS como o Final Fantasy IV e  Metroid todos com gráficos que fazem desacreditar que aquilo ali é o poder do portátil mais quando chega no FIFA tudo que vemos são um gramado mal feito, lags nas movimentações e uma sonoridade ruim.

 Dá até para encarar o game se for uma partida multiplayer, mas em single tudo que vemos é algo que por motivos de sei lá o que ficou médio ruim não que não tem momentos bacanas como a narração e a música que toca no menu. Mas todo o resto…

 Nota: 6

.

Bayonetta  (versão de PS3) 

E não é que a Famistu tinha razão…

 Em uma bela manhã de sol fui tirar um gameplay com colegas do bairro e um deles tem a lápide escura da Sony e notei que ele tinha Bayonetta e resolvi matar minha curiosidade para saber se o game é ou não que nem o de 360.

 Conclusão o game é ótimo, porém na conversão do 360 (que seria com exclusividade) para o PS3 o game assim (como em mudança de casa para outra onde sempre perde algo) ele perde gráfico e parte da agilidade, fiquei pasmo ao ver que a Famitsu tava certa e o pior dá pra ver a diferença acho que sem pegar no controle dá pra perceber também, isso é pior ainda.

 No game você controla Bayonetta uma bruxa linda de doer que tem que resolver umas paradas confusas sobre seu passado, o enredo pouco importa com a ação frenética e bastante desafiadora, já na parte de jogabilidade o game fica um pouco mais lento que no 360 digamos coisa de 0,5% (ou mais) de diferença e isso é bastante visível depois que se joga a versão de 360, já na parte gráfica o game no  360 possui um cenário limpo, frames ótimos e tudo cheira como espírito jovem. Já no PS3 vemos serrilhamento constante nos frames, slowmotions feios e bastantes visíveis e o cenário ainda é bonito.

Destaque para Fly to the Moon tema do animê Neon Genesis Evangelion cujo me esqueci de falar que toca na versão de 360 também na análise que fiz anteriormente e agora resolvi falar. Uma música bastante flexível assim por dizer que toca em mais de 10 momentos em todo game.

 Nota: 8

 

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Games, Hands-On, Lançamentos, Reviews

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s