Depois do Review: Mortal Kombat

Muito bem, o clima é de maré alta para a série que retornou dos mortos: Mortal Kombat. Se não for o jogo do ano na categoria luta pelo menos leva a consideração de conseguir chamar mais atenção do que seu concorrente, Marvel vs Capcom 3.

Após o review, irei falar de algumas coisas das quais não citei na analise para não dar spoilers, sim, isso mesmo. Essa matéria contém muitos spoilers, que com certeza irão esclarecer algumas dúvidas sobre fatos da história que pouca gente sabia e sobre o que mudou no enredo.

Atenção: Daqui para frente a matéria irá conter muitos spoilers. Não leia se não quiser estragar as surpresas do game, não me responsabilizo por nada…

Vamos ao que interessa…


.

1º Ato: A história 

Mortal Kombat (nove) tem um enredo que apresenta a franquia aos novos jogadores de maneira bem clássica, ele já começa no bom e sangrento torneio na ilha onde Shang Tsung comanda seus capangas.

Rayden é uma das peças fundamentais no novo MK...

Lá a turma de Rayden enfrenta a trupe de Shang, inimigos clássicos como Scorpion, Sub Zero, Goro, Kano etc.., retornam com seus conflitos pessoais como Scorpion querendo matar Sub Zero, pois o mesmo aniquilou seu clã que se chamava Shinra, Sonya Blade querendo pegar o Kano entre outros e nesta parte tudo termina da maneira que já sabemos, Liu Kang derrota Goro e Shang Tsung.

No meio de toda essa pancadaria, Rayden recebe visões de seu eu do futuro,que tenta avisá-lo que se Shao Khan não for derrotado o mundo vai acabar. Rayden possui uma espécie de amuleto no qual começa a quebrar aos poucos.Após a derrota de Shang Tsung, Rayden nota que seu amuleto continua a se quebrar e percebe que o pesadelo ainda não acabou…

Passa-se um tempo, e no “cafofo” do Shao Khan, o mesmo sem saber o que fazer e colocando a culpa em Shang Tsung, resolve desafiar a terra para um novo torneio e se caso ele perder ele pára de lutar de uma vez por todas.

Sim, a partir dai começa Mortal Kombat II…

Os eventos de Mortal Kombat II são recordados no novo MK..porém há diferenças..

Enquanto isso na terra, tudo esta em paz quando de repente, surge o mal, Shao Khan e seus amigos, tocam o terror novamente e desafia o grande vencedor Liu Kang para o combate.

Após algumas lutas e conflitos pessoas, Rayden ganha uma nova visão onde ele mesmo fala “ele tem que vencer”. Na duvida de quem é esse “ele”, Rayden deixa o camarada Kung Lao lutar no lugar de Liu Kang e sabe o que acontece?

Kung Lao morre… Shao Khan o mata e Liu Kang vai para cima de Khan e o vence.

Porém Shao Khan não morre e inicia-se um quase Mortal Kombat III.

Derrotado, Shao Khan então decide não fundir o reino da Terra com Outworld, mas sim invadir o reino da Terra, e novamente o terror acontece.

.

.

Mortal Kombat apresenta… Cyber – Sub Zero!!:

Nos eventos de Mortal Kombat e Mortal Kombat II, Sub Zero morre e seu irmão sai a procura do responsavel para matá-lo e acaba sendo capturado pelos Lin Kuen, na historia original quem é capturado é Smoke e acaba virando um robo, mas aqui quem vira tal criatura é ninguem menos que Sub Zero! Se liga no sujeito abaixo.

No lugar de Smoke , quem vira enlatado é Sub Zero...

Voltando a historia, Shao Khan invade a terra, e neste ato quem lidera os eventos é Kurtis Stryker e também é contada a origem de Kabal, após muita briga o Sub zero cibernético é apresentado. Apesar da aparência maligna ele acaba virando amiguinho da turma do Rayden e se infiltra na trupe de Shao Khan para descobrir o que eles planejam.

Enquanto isso, ou antes, não lembro, Sindel a mãe de Kitana retorna a vida e Shao Khan sem pensar, dá a força vital de Shang Tsung para a coroa deixando-a extremamente forte coisa que nos outros MKs não era.

Após alguns eventos que envolvem Nightwolf e sua missão de impedir Quan Chi (sim ele esta no jogo) que rouba todas as almas do Reino da Terra, no meio de uma reunião, Rayden, vendo que não há saída para derrotar Khan, resolve pedir ajuda para os deuses antigos (tradução de Elder Gods) e leva Liu Kang para ajudá-lo na conversa que não dá em nada.

Mas enquanto a conversa rola com os deuses, na terra o restante dos personagens, recebem a visita da turma do Shao Khan em massa e inicia-se um quebra pau bem sangrento.

Após socos, chutes e fatalities, quando tudo aparentava estar ganho, Sindel dá as caras na batalha e sua força vai além do que era nos 16 bits.

Ela assassina quase todos os personagens e inclusive a sua filha Kitana, Poupando apenas (aparentemente), Sonya e Johnny Kage.

Quando Rayden volta à Terra e vê o que aconteceu, Liu Kang deixa de lado o papo louco de Rayden sobre o futuro e vai correndo dar na cara de Shao Khan.

Sem pensar em mais nada apenas em vingança, Liu Kang e Rayden presenciam a chegada de Khan ao reino da Terra, porém Rayden conclui que se Shao Khan invadir a terra ele será derrotado, pois ele está violando as regras do torneio, porém antes que conseguisse avisar Liu Kang sobre tal teoria, Liu Kang o desafia para uma luta e acidentalmente acaba sendo morto por Rayden!

O Kombat final...

Após a morte sem graça de Liu Kang, Rayden ganha os poderes dos deuses antigos, uma compensação por Khan ter violado as regras do Mortal Kombat e começa a batalha na qual obviamente termina com o triunfo de Rayden.

A cena de encerramento mostra Shinoki e Quan Chi surgindo deixando bem claro que pode haver uma continuação…

.

.

2ºAto: O que tem nesse jogo que o faz ser tão bom.

Após o término do modo historia, o jogador fica a vontade para explorar o universo de MK, principalmente a Kripta onde é possível comprar mais fatalities, descolar umas artworks, musicas do game, concept arts entre outros itens, todos os itens podem ser adquiridos através de pontos ganhos nas batalhas, com o término do modo historia estima-se o ganho de 100 mil pontos o suficiente para concluir a primeira parte da grande Kripta.

Na Kripta a cada compra é uma morte....não preciso dizer o que vai acontecer com este sujeito...

Mas não há nada mais divertido no game do que o modo árcade que possui suas modalidades:

Torneio: onde você enfrenta a clássica coluna de lutadores até chegar ao fim e, acredite, mesmo com o modo historia cada personagem ganha uma conclusão no modo árcade, Rayden, por exemplo, no seu encerramento divide seu poder com cinco lutadores para que eles controlem a paz nos cinco cantos do mundo.

Teste a sua força, este é o clássico momento do primeiro MK onde o jogador quebra algum objeto preenchendo a sua barra de força apertando severamente um botão. A dificuldade aqui aumenta a medida que se avança nos desafios, mas para concluir todos os desafios é necessário cumprir metas dadas pela grande torre dos desafios.

Outro modo interessante é o teste a sua sorte, aqui é uma luta normal, quer dizer nem tão normal assim já que no inicio uma grande roleta é girada e ao parar são dadas algumas vantagens ao escolhido, e até algumas desvantagens ao adversário.

E para encerrar também existe o teste suas habilidades, este modo irá realmente testar suas habilidades com lutas que lhe dão metas para concluí-las.

.

.

Seja bem vindo a torre dos desafios: 

Torre dos desafios não é algo original, mas agrada, ela trás ao jogador centenas de desafios, como elimine o inimigo fazendo um fatality, mate-o de “perfect”, derrote-o antes que o tempo termine, o bacana desse modo é que ele consegue ser bem difícil a medida que se avança, pois de inicio é coisa para qualquer um, mas se você quer realmente fazer 100% deste game é bom se preparando, pois haverá muito desafio nesta torre.

.

.

Shao Kahn o seu retorno triunfal:

Shao Khan é uma figura no game, sim o vilão retorna com direito a suas frases, Don t Make me Laugh! (não me faça rir) e Feel the Power of Shao Khan (sinta o poder de Shao Khan), seu retorno é tão triunfal que a sua dificuldade para ser derrotado agora está aumentada e garanto que muitos jogadores irão sofre um pouco para derrotá-lo.

The Macho Man...is back...

O grandão também ganhou um fatality, coisa que na época do Snes não tinha e seus movimentos não são tão lerdos como eram antes então deixarei o aviso: ele tá difícil para caramba… mas o grande trunfo ainda é esperar ele dar sua risada malévola , ou dizer algo para humilhá-lo e atacar rapidamente, mantendo a atenção na defesa pois ele consegue rapidamente contra atacá-lo sem esforço algum.

.

Goro e Kintaro: A mesma coisa, o mesmo desafio agora com Fatalities.

No modo árcade, você ganha a sorte de lutar contra Goro ou contra Kintaro, apesar de ser bacana isso, apenas Goro ganha seu próprio estágio, sendo ele o Goros’ Lair. Seria legal se Kintaro também ganhasse o seu próprio, mas a luta com o tigre de quatro braços, ocorre também no domínio de Goro.

...fuck yeah!!

Independente de quem seja, Goro e Kintaro possuem o mesmo grau de dificuldade, servindo apenas para ter o clássico lutador monstro antes do chefão, mas assim como Khan, os seres da raça Shokan retornam com Fatalities, algo desnecessário, pois o jogador leva um verdadeiro sarrafo deles e ainda por cima são dilacerados. Ao menos os produtores realmente quiseram levar a violência acima de tudo.

Um fato que achei ruim na trama é a falta de Motaro, o bichão quadrúpede, ficou de fora no game e a única passagem em que é mencionado é onde esta ocorrendo uma reunião e Khan é notificado que Rayden o matou. Poh! Sacanagem!

Seria bacana rever o bicho que reflete os golpes dos personagens e brota atrás de você o derrotando com coices.

.

.

.

Mortal Kombat apresenta… Bigs Tits.

MK ja teve mulheres de todas as cores , de varias idades e de muitos amores hahahaha..

Para alegria da moçada, o novo Mortal Kombat trás um acervo de peitos, bem grandes.

A quantidade de pares é pouca, mas agrada, sendo elas Sindel, Kitana, Millena (apesar de ser feia de rosto), Jade (a mais gostosa) e Sonya Blade.

Todas as garotas sem excesso são muito bonitas e mortais, Sonya, por exemplo, possui o X-Ray mais apelão do game, pois antes de vir os raios-X, ela aplica um combo de 4 hits aproximadamente.

Sendo assim o novo Mortal Kombat é muito mais que violento, é algo digno de merecer a censura 18++, pois apela para tudo inclusive o erotismo.

.

.

Fim de papo:

Após essa matéria, concluo que Mortal Kombat consegue sim ser um game respeitado este ano, sendo realmente superior a muitos já lançados, não me surpreenderia se ganhasse o titulo de melhor do ano, mas ficaria realmente surpreso se tal titulo não fosse dado por júri popular, mas sim pela critica especializada.

Algo que não ocorre em prêmios como VGA.

Shang Tsung diz a Raiden " MK novo é foda hein sera que vamo trampa no dois?" , Raiden diz " se tiver eu me garanto mas você morreu hahahaha..."

4 Comentários

Arquivado em Games, Hands-On, Lançamentos, Reviews

4 Respostas para “Depois do Review: Mortal Kombat

  1. Estou achando esse jogo sensacional, além dos diversos extras, conta com uma história boa que trás algumas descobertas e mostra como é intuitivo jogar com os mais variados personagens. Parei no Shaokhan, preciso armar uma técnica melhor com o Raiden.

    No mais, é curtir as batalhas, liberar o conteúdo bloqueado e esperar pelo multi-player arrasador quando a PSN voltar!

  2. victor candido

    recomendo teleportat e atacar por trás…

  3. Pingback: Melhores Links da Semana! #32 « Clictec

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s